RUA CHABAD, 105 - CERQ. CÉSAR CEP 01417-030 - SÃO PAULO - SP

ESTAMOS JUNTOS

Cartaz-Estamos-Juntos_FULL
Direção – Toni Venturi
Gênero – Ficção / Drama
Lançamento – 2011
Elenco – Leandra Leal, Nazareno Casero, Cauã Reymond, Lee Taylor, Dira Paes, Débora Duboc, Sidney Santiago
Roteiro – Hilton Lacerda, Toni Venturi
Fotografia – Lula Carvalho
Arte – Renata Pereira
Programação Visual – Rudi Bohm
Som – Gaspar Shauer, Pedro Noisyman, Armando Torres Jr.
Musica – BiD
Luísa Maita canta Lero Lero
Elza Soares canta Paciência
Montagem – Marcio Hashimoto
Produção Executiva – Rui Pires, André Montenegro
Produção – Olhar Imaginário / Aurora Filmes
Coprodução – Americine (Argentina)
Distribuição – Imagem Filmes

Para a jovem médica-residente Carmen, o mundo começava a moldar-se conforme seus planos. Uma vida independente na agitada São Paulo, ao lado de seu amigo gay DJ, uma aventura amorosa com um impetuoso músico argentino e uma relação de intimidade com um enigmático homem. Porém, com a aparição de sintomas de uma doença grave, sua vida se transforma, para sempre.

 

 

ESTAMOS JUNTOS é uma viagem inebriante para dentro da aparência das coisas. Um passeio pelo universo do acaso, que reinventa e desdobra as possibilidades da vida. Para Carmem o mundo começa a se conformar segundo suas diretrizes: uma vida livre da cidade provinciana de onde veio. Vida que se protege do mundo exterior a partir de uma relação intimista com um amigo invisível. Um mundo de distanciamento afetivo onde amar deve ocupar um segundo espaço, ainda em construção.

De repente a vida bate a porta como destino. E mesmo com a recusa em abri-la, a invasão se torna inevitável. Carmem tem que lidar com os Sem-Teto da metrópole paulista e se reinventar à sombra do medo. O filme sugere a vida como uma gramática que se constrói a partir de lances ao acaso, e que temos que estar atentos para que esses lances não atropelem as esperanças.

 

 

“Fazer um filme sobre a cidade que se ama é uma declaração de amor aos outros, àqueles que gostaríamos que desfrutassem de virtudes e até defeitos daquilo que amamos… No caso de Estamos Juntos, São Paulo é o objeto desse amor, um amor agitado que atravessa a geografia da cidade e suas classes sociais, com uma vontade de amar sempre conturbada pelo pânico… Essa atração não elimina minha compreensão das dificuldades e das dores, gerando o amor que sinto novamente, agora diante de um filme que, até no título, faz uma bela e justa síntese poética de sua natureza – Estamos Juntos.”
Carlos Diegues

Prêmios

Melhor Filme / Critica / Direção / Roteiro / Atriz / Fotografia / Montagem
15° Cine-PE, Recife, 2011
Melhor Filme / Direção / Roteiro / Atriz / Som
18° Festival de Cinema de Cuiabá, 2011
. Melhor Ator / Atriz / Ator Coadj. / Atriz Coadj.
21° Festival de Natal, 2011
Melhor Som
5° Festival Rainbow, Ceará, 2011;
Melhor Atriz / Ator Coadjuvante
8° SESI/FIESP – Festival de Cinema de Cinema Paulista, 2012;
Melhor Atriz / Ator Coadjuvante
6° BRAFFT – Festival de Cinema Brasileiro de Toronto, Canadá, 2012;