RUA CHABAD, 105 - CERQ. CÉSAR CEP 01417-030 - SÃO PAULO - SP
[contact-form-7 404 "Not Found"]
[contact-form-7 404 "Not Found"]
[contact-form-7 404 "Not Found"]
[contact-form-7 404 "Not Found"]
[contact-form-7 404 "Not Found"]
[contact-form-7 404 "Not Found"]
[contact-form-7 404 "Not Found"]
[contact-form-7 404 "Not Found"]
[contact-form-7 404 "Not Found"]
[contact-form-7 404 "Not Found"]
[contact-form-7 404 "Not Found"]
[contact-form-7 404 "Not Found"]

SOBRE

A Olhar Imaginário se destaca no cenário audiovisual como uma casa de produção ágil e criativa, que prima pela qualidade das entregas. Atuamos na produção de cinema, televisão e teatro com foco em temas sociais, culturais e artísticos. Produzimos 8 longas-metragens, sendo que o inédito A Comédia Divina tem lançamento previsto para 2017.

O Núcleo de Teatro, sob a direção da atriz Débora Duboc, vem produzindo comédias populares, que não abrem mão da pesquisa de linguagem. Seu mais recente trabalho foi o musical Sou Toda Coração que teve temporada no Teatro Itália. A produtora é gerida pelo cineasta Toni Venturi e produtor-montador Tiago Berti.

SERVIÇOS

PARALELO AOS PROJETOS DE CINEMA E TELEVISÃO, PRODUZIMOS COM EXCELÊNCIA UMA GAMA DE PRODUTOS AUDIOVISUAIS PARA O MERCADO PUBLICITÁRIO, DO VÍDEO CORPORATIVO E DA COMUNICAÇÃO SOCIAL

CINEMA

Em breve nos cinemas A Comédia Divina com Murilo Rosa, Monica Iozzi, Dalton Vigh, Juliana Alves, Thiago Mendonça e grande elenco

Saiba mais

TV

A Olhar Imaginário está desenvolvendo e negociando a coprodução de três séries com os canais de televisão por assinatura do país

Saiba mais

PUBLICIDADE

Temos vasta experiência na realização de filmes institucionais e corporativos para empresas, ministérios, secretarias e fundações

Saiba mais

TEATRO

Em 2016 o espetáculo Sou toda Coração, indicado pelo site Aplauso Brasil como melhor musical, excursionou pelo interior paulista.

Saiba mais

CINEMA

SÉRIES EM DESENVOLVIMENTO

COLECIONADORES DE OSSOS
Série 13 Episódios (26’)
Gênero - Documentário / História
Direção - Toni Venturi, Tiago Berti
Apresentação – Tito Aureliano, Aline Ghilardi
Roteiro – Marcos Ferraz
Produção Executiva – Tiago Berti
Produção – Olhar Imaginário
LOGLINE - Colecionadores de Ossos é uma série documental com Tito e Aline, um casal de paleontólogos aventureiros em busca de civilizações perdidas e tesouros escondidos nos lugares mais remotos do Brasil e da América Latina.
SINOPSE - Nossos paleontólogos aventureiros irão nos conduzir numa viagem rumo ao inexplorado e, muitas vezes, desconhecido mundo perdido. A cada episódio eles nos mostrarão uma região, de Norte ao Sul do Brasil, rica em fósseis e em evidências arqueológicas. Muitas delas ainda desconhecida até pela ciência brasileira.
Sempre juntos, Tito e Aline enfrentarão os desafios de se chegar a lugares inóspitos e nada convidativos, tanto pela força da sua natureza bruta, quanto pela resistência de alguns grupos locais que querem defender seus interesses financeiros. Nosso casal, ligado em adrenalina, passará perrengues, dificuldades físicas e psicológicas para chegar em lugares como a Serra do Roncador, no Mato-Grosso; a Serra da Capivara, no Piauí; a Chapada do Araripe, em Pernambuco, entre outros lugares.
JOGO DE CENA
Série 13 Episódios (26’)
Gênero - Documentário / Arte
Direção - Toni Venturi
Consultoria – Silvana Garcia
Roteiro – Helena Perim
Produção Executiva – Tiago Berti
Produção – Olhar Imaginário
LOGLINE – Jogo de Cena é uma série documental que faz uma investigação nos processos de trabalho dos principais criadores do teatro brasileiro através de entrevistas do ator Renato Borghi.
SINOPSE - Os episódios alternam momentos da entrevista com o encenador convidado que são ilustrados pelos bastidores do trabalho da montagem de um trecho de uma obra de Shakespeare, realizada especificamente para o programa. O resultado cênico do processo dessa criação teatral será captado de forma cinematográfica por Toni Venturi.
Durante a entrevista com Borghi, o convidado responde a perguntas provocantes e desafiadoras preparadas pela produção, que conta com a consultoria da crítica Silvana Garcia. O objetivo é despertar o criador-encenador fazendo com que ele se encontre em uma situação que o permita explorar novos pensamentos e descobertas.
Uma série documental onde, a cada episódio, um criador teatral expõe seus conceitos, objetivos e métodos de criação, interpretação e desenvolvimento mostrando, teoricamente e na prática, o seu trabalho no teatro.
TUDO EM FAMÍLIA
Série 8 Episódios (26’)
Gênero - Ficção / Comédia / Sitcom
Direção - Toni Venturi
Roteiro – Leonardo Alkmim
Produção Executiva – Tiago Berti
Produção – Olhar Imaginário
LOGLINE – Tudo em Família é uma dramédia sobre as relações do casal inter-racial Bianca e Osmar, que enfrenta o frenético cotidiano da grande cidade com os seis filhos do atual casamento e de relacionamentos anteriores.
Em tom positivo, sem deixar de abordar os conflitos de geração, as questões de classe e os preconceitos de cor e gênero, a série apresenta novas perspectivas nascidas da convivência entre as diferenças. Um retrato dinâmico desta época em que a diversidade e as novas maneiras de se relacionar são tópicos fundamentais.
SINOPSE - Um olhar bem-humorado, com subtextos profundos, sobre o cotidiano de personagens atuais das metrópoles brasileiras. Preconceitos sociais, de cor ou gênero, são explorados como fonte de transformação. Mas é justamente ao jogar luz sobre questões veladas e tratá-las com humor que TUDO EM FAMÍLIA surpreende, mostrando que a convivência entre diferentes, e a abertura para novas ideias são grande oportunidade de crescimento.

TELEVISÃO

TEATRO

PUBLICIDADE

A produtora OLHAR IMAGINÁRIO tem vasto currículo na realização de vídeos e filmes publicitários de vários formatos e tamanhos. Entre as empresas atendidas neste segmento constam a Basf, Votorantim, Alpargatas, Petrobrás, Infraero e Ministério da Educação.

Alguns destes vídeos, devido às suas características cinematográficas, que abordam temas históricos e utilizam uma narrativa visual sofisticada, extrapolam os limites convencionais da comunicação institucional e se transformam em verdadeiros documentários.

Tiago Berti